---

  • ?
  • ?

---

  • ?
  • ?


Óbito da professora foi confirmada como meningite meningocócica

Publicado em 21/10/2019 às 16:34 - Atualizado em 21/10/2019 às 16:39

A Secretaria Municipal de Saúde de Passo de Torres e a Diretoria de Vigilância Epidemiológica (DIVE/SC), da Secretaria de Saúde de Santa Catarina informa que a causa do óbito da professora, de 36 anos, moradora do município de Passo de Torres (SC) foi confirmada como meningite meningocócica - pela bacterioscopia do liquor (diplococo gram negativo). Este tipo de meningite é causada pela bactéria Neisseria Meningitis e é transmissível. A professora foi internada em Torres (RS) no dia 11 de outubro e faleceu no dia 12 de outubro pela manhã.

 Todas as medidas de prevenção foram tomadas assim que houve a suspeita do caso, conforme protocolo do Ministério da Saúde (MS). As vigilâncias epidemiológicas do estado de Santa Catarina e do município de Passos de Torres realizaram a quimioprofilaxia - administração de antibiótico capaz de prevenir a infecção – em todos os contatos próximos da professora (alunos da sala de aula e familiares da professora). A DIVE/SC continua monitorando a situação, conforme indicação do Ministério da Saúde, e não foram notificados novos casos suspeitos.